sábado, 6 de novembro de 2010

Eu vou, eu vou, a caça agora eu vou...

Durante as férias que tirei do blog, aconteceu tanta coisa, que eu nem sei por onde começar. Teve amizades que não sobreviveram, outras que se afirmaram e outras ainda que começaram; gente querendo desesperadamente dar e outros fugindo para não comer, decepções, lágrimas, surtos, risos, uma dose de loucura, mudança de caminho, pegando a direita ao invés da esquerda, parando com vícios, conhecendo diferentes mundos, novas pessoas e novas histórias... Realmente, tive bastante material para novos textos. Conclusão: Você quer? Então se prepare para a caçada de cada dia!

Aprender a desistir e parar de insistir com quem não quer nada com você, não é nada fácil. Não ceder a olhares sorridentes, a carinha de bom moço, e aprender a controlar essas emoções sem fundamento que, o nosso coração sente só para nos deixar mais confusas e iludidas, é algo que só é conseguido depois que você consegue enxergar e ver que essa tal situação, esse tal gostar NÃO te faz feliz, NÃO te faz bem. Até porque, estamos velhos para compactuar com essas relações nocivas, platônicas, com essas ausências e desculpinhas baratas. Vamos ACORDAR!

Cheguei à conclusão que temos o que buscamos. Se estivermos infelizes, pode ter certeza que a culpa não é de outros é só sua. Você já está bem grandinha e, quer saber: Você já sabe diferenciar o que é certo e o que é errado. Isso serve para os homens que também possuem coração e são facilmente enganados por carinha de anjo e corpo de capeta. Olho aberto!

Eu cansei de esperar pelas regras, de seguir regras, de ficar preocupada com o que um ou outro vai falar ou pensar. Eu dito minhas regras, eu faço acontecer, eu programo e mando na minha vida. Se você quiser vir comigo, ótimo; mas se não quiser, problema seu. Não sabe o que está deixando de ganhar!

Muito desperdício de energia, muita ruga de preocupação com quem não está nem aí para você! Ninguém muda, a vida é que nos ensina a ver as coisas de outros ângulos. Fique atenta!

Creio que ter objetivos, traçar metas é super importante. Mas para atingir tudo o que se deseja, não perca o foco. É extremamente importante que você não desvie seu foco para abrir exceção, fazer caridades e outros.

Andamos tão exigentes que, fazer uma caridade ás vezes pode ser uma péssima idéia. Se você sabe o que deseja, não desvie seu caminho por desejos que podem ser controlados. Além do mais, não é muito legal se arrepender depois.

Caçar ou ser caçada? É isso aí. Se renda a selva dos dias de hoje e não se preocupe com rótulos e fofocas masculinas. QUANDO SE QUER, NÃO TEM ESSA. Lembra do último texto? Gente, não há regras. Há personalidades e vontades.

Cuide antes, de seus interesses. Vale ás vezes, uma dose de egoísmo!

Beijos

Lud Figueira

@ludfigueira

2 comentários:

Márcio Rodrigues disse...

Isso aqui tá melhor q horoscopo, sempre q venho p/ ler, definitivamente, servi como autoajuda #comopode kk. Desde a 1º temporada acompanho o Papo Calcinha e, como um admirador, deixo o P.S. aqui d q faltava uma "Lud" pra aprimorar o trabalho já revolucionário das meninas. Rsrs Ahmm, Falta q vces fazem nas noites da multishow... BjO #adorooblog. Márcio R.

Dani disse...

Texto maravilhoso!