segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Apenas uma marinheira de primeira viagem..

Será que é difícil deixar alguém fazer parte da nossa vida? Se entregar, viver momentos bons e ruins, dias de sol e outros de grande tempestade, será que sobrevivemos?

Como é pensar em dois? Como se faz planos pensando no outro? Como se caminha pela rua dando as mãos pela primeira vez? Como é se sentir tranqüila sabendo que o seu telefone vai tocar ou você vai acordar com uma linda mensagem?

Como é se sentir segura, sabendo que o outro não quer ao lado apenas um delicioso ‘salmão’ e sim, sua incrível companhia? Como é dar um beijo e saber que não é o último? Como é olhar para o outro com cara de boba e não conseguir disfarçar e o melhor: Não ter medo se o outro descobrir seus sentimentos?

Como se faz um relacionamento? Como confiar no outro sem reservas? O que sentir quando após o sexo, não só vocês se falaram o dia todo, como também se encontraram? Isso é real?

Como é poder ser você mesmo na companhia do outro? Falar suas besteiras com amigas, abraçar amigos sem sentir medo do que o outro vai achar ou falar? Sem medo de pré-julgamentos?

Como é ter um dia ruim e poder encontrar um ‘colo’ para se sentir segura e ouvir que tudo vai passar?

Como é saber que o outro te admira, tem curiosidade em te conhecer cada dia mais, onde o que importa é sua companhia: Num barzinho ou até mesmo numa gangorra num parque?

Como é sentir ciúmes? O que é o ciúme?

Como enxergar problemas se o olhar do outro fala: “Não se preocupe, vai ficar tudo bem”.

Como é ter alguém dando risadas das suas maluquices e adorar isso em você?

Como é alguém dizer que está adorando te conhecer mais a cada dia e o melhor: Sente sua falta, sente saudades?

Como é acordar de mau humor e descontar no outro e ver que o outro vai te desconcertar achando graça da sua ‘birra’ de mal humorada?

Como é sentir que por mais caçadoras ou caçadores que existam, o pensamento do outro é em você e nada vai mudar isso?

Como é ter um mal estar com o outro e achar que nunca mais vai vê-lo e o outro te mostrar que o que houve foi apenas um mau momento e que já passou?

Como é sentir que alguém gosta de você? Como é deixar de ser sozinha e abrir espaço para alguém entrar na sua vida, descobrir você, cuidar de você?

Como é sentir que seu sentimento pelo outro é recíproco? Como é sentir que você não vai acordar sozinha no dia seguinte? Como é ter um dia seguinte incrível?

Como é abandonar dramas, lágrimas? Como é deixar de gostar sozinha?

Como é deixar que a solução entre para resolver os problemas? Como é ter alguém para falar tudo e não engolir sapos com risada amarela?

Como é olhar para alguém e se sentir feliz?

Como acontece? Como se começa? Como começou?

Como é ter alguém em nossas vidas?

Vamos descobrir ?

Beijos

@ludfigueira

5 comentários:

Thais Serpa disse...

texto mais que perfeito, em todos os sentidos...
sabe aquele texto que vc lê e se transporta automaticamente pro que vc esta lendo? E aquilo passa a dominar vc e no final vc quer mais?? Sim, eu quero bis!!!
Parabéns sister!!!!

Natália Fontoura disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Natália Fontoura disse...

Resposta: Não há como responder como é, pois não há manual que contenha tais respostas. Essas são perguntas cujas soluções serão descobertas por cada um de nós de maneira ímpar. As pessoas, os caminhos, as relações, os amores, as desilusões... Tudo irá contribuir para que a resposta seja obtida, mas para isso todos nós precisamos dar o primeiro passo...
SENTIR O QUE VEM DO CORAÇÃO!

betto disse...

Estava calor fui até a geladeira, peguei um cerveja, sentei na varanda e comecei a ler o texto. Li as várias perguntas e pensei, pensei, pensei e cheguei a uma conclusão. Me levantei fui até a geladeira, peguei outra cerveja, sentei no sofá, liguei a tv e assisti uma bela partida de futebol...

Empresa. disse...

Quando acontece??? Quando a gente não consegue mais viver sem se pegar pensando na pessoa?? e sorrindo lembrando, e não tem vontade de mais nada a não ser estar junto com ela?? Arrasou no texto lud! Meu sonho era encontrar as respostas pra não conseguirmos enxergar nem os defeitos, quando acontece?